sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Estrelas



Hoje eu perdi as forças
ao saber de você perdi o rumo
perdi o sabor , a cor
perdi a vontade de tentar de novo
Hoje eu me senti morta
me senti fraca e inpotente
senti que ao te perder
perdi a unica chance de ser feliz
perdi a unica luz do meu caminho
perdi o foco no futuro inventando
Essa noite eu falei com as estrelas
mas elas não sabem como dói
brilham distante uma da outra
e ainda assim não deixam de brilhar
eu queria ter essa força
ser eu mesma ainda que mude de sonho
ser feliz ainda que você
tenha sido arrancado dos meus planos
A fraqueza que mora em mim
vem de imaginar como você consegue
ser forte, bonito e feliz
e como qualquer outro olhar
faz você seguir...
eu queria ser como qualquer coisa
anjo, estrela, pessoa
desde que tenha força
para não desisitir da vida
hoje eu fiquei fraca
porque disse para mim mesma te esquecer
e se a estrela não fizer nada
vai doer, mais que doer
vou sofrer para o resto dos meus dias
por não ter feito as melhores escolhas
eu ainda descubro quem é que faz
você brilhar assim a toa
e quando você souber
que amo assim tão profundamente
devolva a força da minha vida
o brilho que durará eternamente
devolva a força do meu dia
devolva a minha vida, a raiz e a semente
devolva as estrelas que você me prometeu
me devolva a mim mesma
devolva o brilho que se perdeu.

2 comentários:

Presença

Não sabia a diferença entre a presença e o nunca estar. Eu não soube desde sempre, Eu nunca estava lá. Só algo que já passou, Ou semp...