sábado, 7 de abril de 2012

Fui



Eu fui até lá
não era nada
eu voltei aqui
e você não estava
eu fui tão feliz
eu fui enganada
eu fui mentir
para ser amada
eu fui tão fiel
eu fui até o céu
eu fui tão maldosa
eu fui cruel
eu fui tão apaixonada
eu fui inconsequente
eu fui tão cega
e intransigente
eu fui o que eu fui
eu fui muitas de mim
eu fui sua inteira
e parte de mim você não quis
Eu fui seu brinquedo
seu objeto,seu objetivo
eu fui te seguindo
acabando comigo
eu fui tão menina
e eu sofri
a vida ensina
eu não fui feliz
eu fiz um rascunho
um pedaço de mim mesma
hoje sou inteira
o que eu sou,não lhe interessa.
Eu sigo a vida
de um jeito mais leve
eu me amo,me apoio
me perdoo por tudo
você vai pagar
por se aproveitar de um sonho
que você pisoteou
enquanto eu,sem saber quem eu era,te dei o controle de tudo
A vida  dá voltas
e eu não volto a ser aquela
você vai chorar
ao lembrar  que jogou tudo pela janela.
Nessa estrada eu não volto
eu não quero mais te ver
Vou ser feliz de fato
sou mulher agora,não vai me convencer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Presença

Não sabia a diferença entre a presença e o nunca estar. Eu não soube desde sempre, Eu nunca estava lá. Só algo que já passou, Ou semp...