domingo, 26 de agosto de 2012

Éramos


Era seu...
O dia, o sorriso, o plano
Era seu...
O olhar, o andar, o trajeto
Era seu...
O mundo, o gesto, o jeito
Era minha...
A esperança, a vida, a fantasia
Era minha...
A lágrima, a desilusão, a mágoa
Era nossa...
A fragilidade, a inconstância, a fragrância
Era sua..
A minha paz, A minha ira, A minha vida
Era meu plano,
minha vida, só meu o amor.
Éramos nós
Éramos nada, era e nunca foi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Morri

Morri para o mundo, mas não nasci para deus, não nasci para deuses, não nasci para ninguém... Quantos erros profundos, Nada vale a pen...