Saiam Todos!


Como vou saber
Se quem errou fui eu?
Se parece tudo errado,
E tudo se perdeu.
E se estavam todos certos
Na verdade que defendiam,
Eu era uma criança
Na verdade dos que mentiram.
E seu eu não entendia
Que o caminho era meu,
E se o que sentia
Não valia e nunca valeu?
E se eu aprendi
A errar em nome dos outros,
E se eu fiquei aqui
defendendo os desprezados e loucos?
Como vou saber
Se o que eu vejo agora é real?
Sendo que parece
Que eu estava estava em estado fatal.
Eu dormi por anos
num coma consciente,
As palavras e os fatos
não saíam de minha mente.
E agora eu acordei
E levanto dessa cama,
Não tenho nada, nada meu
Qualquer um pensa que me engana.
Mas eu sei de uma coisa
Essa tempestade passa,
Porque eu vou correr atrás
Da minha felicidade exata.
Só eu sei de mim
Como eu caí e quanto eu chorei,
sai da minha mente
Se viver é isso, eu também errei.
mas agora vou viver
Os lados me confundem,
Não podem ser todos felizes
Se a vida é que nos une...
Eu não sei o que fazer
Mas não quero o que vivi,
Viver dormindo e ver amanhecer
Saiam todos, eu sei de mim!

Comentários

Postagens mais visitadas