Você me conhece?


Eu não conheço você.
Sei o seu nome,
Li seu sobrenome em algum lugar,
Mas não sei onde está.
Eu conheço seu sorriso,
E esse seu jeito tímido,
Esse seu caminhar,
Esse grito que cala na garganta.
Eu abraço seu corpo,
Mas não sei se entro em sua mente,
Eu sinto seu calor,
Mas não sei se também sente.
Eu não conheço a estrada que você passou,
Não naveguei tuas tempestades,
Não chorei tuas incertezas,
Não nadei nos mesmos mares.
Não senti a dor no peito,
Quando o mundo caiu mais de uma vez,
Não me fiz de filho sem jeito,
Para implorar ao Pai mais uma chance.
Não vi seus amigos irem embora,
Deixando você sozinho na lama,
Não vi o ódio gritar mais forte,
Nos olhos daqueles que você tanto ama.
Não vi as portas fechando seus sonhos,
E tantas pessoas com suas vidas fáceis.
Não vi tantos dedos me apontando,
Quando na verdade só estava tentando.
Eu não posso testar a sua fé,
Nem rir dos teus sonhos juvenis,
Não posso criticar os caminhos que fizeram teus pés,
Nem questionar se ainda dói a cicatriz.
Eu não conheço você,
Como você sabe tão bem,
Então não me deixe parar teus planos,
Nem eu e nem ninguém!
Eu não conheço você,
e nem você me conhece,
Não se trata de quem vai te permitir,
Porque te parar ninguém mais se atreve!
Eu não conheço seu tempo,
Nem posso julgar se ainda conseguirá,
Mas estou disposta a seguir esse vento,
E contigo nessa vida caminhar!
Eu não conheço teus traumas,
Mas estou aqui para te desarmar,
Eu não conheço teus dramas,
Mas estou aqui para te amar.
Eu também não conheço o amor,
Os espinhos ainda estão nos meus pés,
Mas não posso acreditar que a dor,
Seja melhor que ser a tua luz, tua amiga, tua mulher.



Comentários

Postagens mais visitadas