sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Outra Vida

Resultado de imagem para pessoa caminhando
Todo o apego,
Todo o sentimento,
Todo o ódio,
Todo o tormento.
Todos os gritos,
Todas as brigas,
Todos os gemidos,
Todas as lutas.
Todas as letras,
Todas as palavras,
Todas as dores,
Todas as parábolas.
Todos as noites,
Todas as lágrimas,
Toda a gratidão,
Tudo de coração.
Tudo isso agora,
Não faz sentido algum,
Quando se perde no mundo,
Chegando a lugar nenhum.
Hoje eu só queria,
poder pedir perdão,
Independente das culpas,
Limpar meu coração.
Todo o seu ouro,
Aqui não vale nada,
O seu poder verdadeiro,
Está nas suas palavras.
Se eu pudesse
Viver novamente,
Limparia o coração,
E guardaria na mente,
Apenas o bom e o bem que eu fiz,
Apenas o amor, que devo seguir.
Agora te digo,
Aproveite sua vida,
O que vale está na sua cabeça,
Não deixe a alma perdida.
Enquanto há tempo,
Respire bem fundo,
Limpe sua alma,
Esqueça esse mundo.
O que vale a pena,
É esse sorriso,
Tudo é passageiro,
O apego é seu perigo.
Perdão aos que eu amo,
Tanto ódio pra quê?
A vida é única,
Viva...e seja o que quer ser.
E se hoje fosse,
Seu ultimo dia?
Deixaria a paz
nos corações daqueles que estão em sua vida?
Pense que tudo é tão vulnerável,
Aprenda com seus erros,
Largue o passado.
Se eu pudesse viver,
Outra vida agora,
Seria apenas com um sorriso,
que mudaria  minha história.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Presença

Não sabia a diferença entre a presença e o nunca estar. Eu não soube desde sempre, Eu nunca estava lá. Só algo que já passou, Ou semp...