segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Nada é para sempre

Resultado de imagem para menina olhando para baixo

Nada é para sempre.
Nada é eterno.
Nem o que sente mais profundamente,
Nem o que aprecia de mais belo.
Esse momento não é eterno,
Nem a vida que lhe cerca,
Nem as dores que atormentam,
Nem a raiva que te cega.
Hoje sente solidão,
Mas há pessoas ao seu lado,
Há um bater de coração,
Que insiste no passado.
Você não terá outra vida para ser feliz,
Você precisa se feliz nessa,
Você precisa crescer com isso,
Você precisa se dar um trégua.
Apesar das circunstâncias,
Foi tanta lágrima no chão,
Foi tanto aperto no peito,
Tantas horas no colchão.
Apesar de todo amor desperdiçado,
Do ódio tão humano,
Do apego ao passado,
Dos erros que cometemos...
Apesar da saudade que carrega,
Se alguém olhar bem  em seus olhos,
Verá que amou na hora errada,
E que isso lhe deixou sem foco.
Apesar de todo o mundo que as vezes pesa,
Você tem direito de desejar a morte,
Apesar de todas as suas fraquezas,
Você precisa ser cada vez mais forte.
Todos temos momentos ruins,
Não pegue como filho seu fracasso,
Fracassado é só quem desiste,
Estamos todos aprendendo a aprender,
A vida é a maior lição que existe.
Se quebraram tantas vezes seu coração,
Se traíram a sua doce confiança,
Você está no caminho certo,
Pois isso fez você não ser criança.
E ser criança tem seu lado bom,
Saia dessa cama, você precisa lutar pelos seus sonhos,
O sol é seu também,
Olhe para si e não julgue tanto os outros.
Levante esse olhar,
Nada é eterno,
Você tem direito de sonhar,
E cair nesse caminho.
Olhe em meus olhos,
Deus é tão perfeito,
Que apesar de tanta dor,
Bate um coração em seu peito.
Lute por sua vida,
Você pode ser muito feliz,
Não perca tempo com o passado,
Aceite sua condição de aprendiz.
Nada é para sempre,
Não se cresce sem ralar os joelhos,
Você não tinha que saber tudo,
O seu sorriso ainda é verdadeiro.
Tem um sonho gritando ai,
Pedindo para não parar,
Só desista de desistir,
Acredite nas voltas que a vida dá.

domingo, 18 de outubro de 2015

Claustrofobia

Resultado de imagem para claustrofobia fobia

O tempo que eu perdi,
Devido a tantas opiniões.
O inferno que eu vivi,
Me rodeando de limitações.
Vocês falaram que eu nada era,
Vocês falaram que eu não podia,
Ontem naquele mundo fechado,
Hoje tenho claustrofobia.
Havia algo em mim tão forte,
Mas eu tinha que descobrir,
Me largaram a própria sorte,
E eu aprendi a somente seguir.
Hoje confio cada vez menos,
Mas não em mim, e sim em vocês,
Dentro de seus mundos pequenos,
Não suportam ver a minha vez.
É mais fácil me fazer desistir,
É mais fácil me deixar no chão,
É mais fácil manipular os meus sonhos,
Para que eu não amplie a minha visão.
É mais fácil vocês me julgarem,
Porque sabem da minha capacidade,
É mais fácil escolherem o perímetro,
Que eu posso andar nessa cidade.
Mas eu tenho péssima notícia,
O que vocês falam não me diz nada,
O que vocês pensam não me guia,
Ninguém mais me fará limitada.
E de gente que pisa nos outros,
E de gente que joga sujo,
Eu tenho pena e nojo,
Fiquem aí nesse mundo.
Eu posso porque confio em mim,
E para isso Deus me deu novos dias,
Desse seu mundo limitado,
Saí porque tenho claustrofobia.


terça-feira, 6 de outubro de 2015

Copo d'água

Resultado de imagem para copo agua mulher tomando

Não quero medir meus pecados,
Não quero pedir desculpas,
Tenho falhas como todo mundo,
Nem tudo é minha culpa.
Não quero julgar o meu próximo,
Eu também errei meu caminho,
Eu também andei por lugares,
Que me levaram ao vazio.
Não quero iludir quem eu amo,
Porque tenho o amor como perfeita ilusão,
Amar não é para humanos,
Nunca entenderemos sua perfeição.
Não quero carregar essas mágoas,
Se eu morrer hoje, não terei sido feliz.
Esse aperto no peito atrasa a vida,
Quem magoou também é aprendiz.
Não quero mostrar o que eu tenho,
Ando tentando descobrir o que sou,
Quero realizar os meus sonhos,
Quero descobrir o que sempre faltou.
Eu quero é estar errada!
Andar descalça na calçada,
Não saber de nada,
E sorrir inocente,
Eu quero é ser amada,
Ainda que isso me custe o que vivi,
Quero por um minuto largar as malas,
E não carregar nada além do amor que tenho em mim.
Não julgue os meus pecados,
Você teria feito pior que eu,
Eu não olho para os lados,
Eu olho pra cima, porque me disseram que no céu existe um Deus,
E é ai que eu vou,
É nas incertezas humanas e nas certezas da fé,
É isso que eu sou.
O que eu quis ontem, hoje você quer.
Não peço perdão nem nada,
Dê-me apenas um copo d'água.
Vou seguir esse caminho,
Pagarei todas as contas do meu destino.

Presença

Não sabia a diferença entre a presença e o nunca estar. Eu não soube desde sempre, Eu nunca estava lá. Só algo que já passou, Ou semp...