quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Asas fracas

Resultado de imagem para borboleta asa quebrada

Eu quis morrer.
Pensei em tudo que não deu certo,
Olhei para mim mesma tão pequena,
Quando era grande a esperança.
Se eu pudesse falar à ela...
Quando ainda tão menina,
Tinha o coração puro,
Amor ela possuía.
Ela não sabia...
Não era tudo tão simples assim.
Isso comprovou depois,
Lágrimas de sangue vieram a seguir.
Ela não entendia,
Não estava preparada para este mundo,
Borboleta de jardim,
Com asas não fortalecidas.
Eu quis a morte,
Não por ter sido aquela,
Mas por não ter dado à ela,
Todas as devidas chances.
Quebraram seu coração,
O vazio cheio de nada,
Arrancaram seu horizonte,
Ela, eu, abandonadas.
Voe pela vida,
Mesmo que não seja nada,
Pare e descanse,
Suas asas fracas.
E agora minha pequena,
O que será que vem a seguir?
Eu quis a vida, sem pretensão,
Apenas para descobrir.

Presença

Não sabia a diferença entre a presença e o nunca estar. Eu não soube desde sempre, Eu nunca estava lá. Só algo que já passou, Ou semp...