Sortilégio

Resultado de imagem para bruxaria
Talvez viver seja isso,
um eterno abrir mão.
Hoje foi o primeiro dia,
Que acordei sem você no coração.
Estranho esse vazio,
Mas ele já era esperado.
Apenas não espero mais nada,
Nem tenho ninguém ao meu lado.
Eu lutei para que a vida fosse
um pouco doce para mim,
Mas eu nem respirei,
e minha dor nunca teve fim.
Não é culpa sua nada disso,
Os meus sonhos eu alimentei,
Mas na verdade eram monstros,
A minha maior dor eu mesma criei.
Tudo foi tão perfeito para você,
e nem sequer chegou minha vez.
Eu te amaria eternamente,
Porque até agora eu só te amei.
Talvez o amor seja isso,
Uma espera por nada o tempo todo.
Se hoje está feliz,
Não me resta nada a não ser o novo.
E se o novo não vier,
Eu não vou julgar meu coração.
Sou como toda mulher,
Vivo como se não doesse esse seu não.
Nem me ouvir você quis,
Eu não tive esse privilégio.
Talvez eu seja feliz,
Mas até la, sem amor, sem sortilégio.

Comentários

Postagens mais visitadas