quarta-feira, 9 de março de 2016

Descobertas

Resultado de imagem para mulher pensando de costas

As coisas que descobri sobre mim,
Não sei se gostei de todas.
A forma como o tempo passa,
Não sei se me interessa.
Foi fazendo que eu fiz,
Foi indo que eu parti,
Foi sem nexo que eu me soltei,
Amor e sexo, eu tentei.
A forma como a vida se apresenta,
Não me deixou muitas escolhas,
Muitos me solicitaram,
Eu esqueci de coisas boas.
Não gostei de saber da minha capacidade,
De dar ódio e receber de volta,
Não gostei de saber que eu gosto,
Do doce sabor da vingança.
Não gostei de saber que espero,
Sempre pela próxima dor,
Não gostei de saber que desacredito,
De qualquer forma de amor.
Talvez eu devesse saber,
Mas me assustei ao me ser apresentada,
Sou doce e sou amarga,
Sou solidária e um poço de mágoa.
Mas já que não há perfeição,
Vou começar a tentar ser melhor,
Executarei o perdão, mesmo aos poucos...
Que devo a mim mesma, antes dos outros.

Luto

Resultado de imagem para luto rosa

Não morreu ninguém agora,
O que morreu foi alguma coisa,
E por isso estou luto,
Porque morreu parte do meu mundo.
Por fora não sabem nada,
Eu sorrio e fico bem,
Mas se olhar nos meus olhos,
Vai ver que o vazio vai muito além.
Eu realmente não sei o que fazer,
Eu realmente perdi a vontade de viver.
Mas ninguém saberá desse absurdo,
Pois é só meu esse luto.
Eu alimentei meus sonhos aos poucos,
E os vi crescendo fortalecidos,
Mas quando eu caí do abismo,
eles caíram comigo.
Morreu parte de mim,
Morreu tudo o que eu pensava,
Morreram diálogos que nunca falamos,
Morreu planos que só eu planejava.
Estou de luto no peito,
Velando com carinho quem eu fui.
Talvez ela devesse morrer,
A morte em vida é o que nos evolui.
Eu agora estou sem um plano,
E também não sonho com mais nada,
Eu vou sentir essa ausência de sonhos,
Até que aquela que eu fui esteja enterrada.
Talvez a perda seja grande,
Ela tinha muitas coisas boas,
Mas talvez eu me torne de verdade,
Enterrando os sonhos daquela pessoa.
Eu me sinto mais sozinha do que antes,
Porque tinha esperança como companhia.
Agora só quero que os raios de sol,
Não queimem meus planos de ter um novo dia.
Morreu ela, morreu você,
Morreu todo aquele futuro.
Mas com essa incerteza do que é viver,
Talvez planejar seja o verdadeiro absurdo.
Nem chorar eu consegui,
Me tirei esse direito,
Apesar de tudo o que eu senti,
Você não merece meu respeito.
Você vive , eu tentarei.
Depois desse velório de uma parte,
Morreu uma pessoa dentro de mim,
Vou conhecer a outra que nasce.

Presença

Não sabia a diferença entre a presença e o nunca estar. Eu não soube desde sempre, Eu nunca estava lá. Só algo que já passou, Ou semp...