sábado, 29 de abril de 2017

Vazio da Paz

Resultado de imagem para paz

Não faço parte deste mundo.
Não me encaixo em mais nada,
Talvez eu nunca tenha sido,
Verdadeiramente amada.
A falta que eu sinto,
Das pessoas que passaram
É um labirinto,
No meu mundo imaginário.
O amor que pensei sentir,
A amizade preciosa,
A alegria de compartilhar,
Uma felicidade contagiosa.
O apoio na dor,
Nessa viagem que é a vida,
Parece que não tem cor,
Eu sou sempre esquecida.
As pessoas não precisam de mim,
E eu me resigno.
Queria amigos bons,
Para seguir neste caminho.
Não há mais laço com o passado,
Não há nada mais aqui.
O futuro de cada passo,
Parece que será sempre assim.
E eu sigo nessa solidão aprendida,
Só restou eu a mim mesma,
Talvez seja o que eu preciso,
Talvez seja o que mereça.
Eu sinto tanto por tantas coisas,
Parece que estou assistindo a minha vida.
Mas acredito num futuro breve,
Em que não haja tantas partidas.
Eu limpei a minha casa interior,
E considerei gente demais,
Talvez eu só preciso do meu amor,
E me preencher com o vazio dessa paz.

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Seguir de Fato

Resultado de imagem para mulher indo estrada

Eu respirei.
Depois de toda aquela falta de ar.
Depois de cobrar amor de todo mundo,
Depois de todo mundo me afogar.
Eu ultrapassei.
As barreiras que foram criadas por mim.
As lutas invisíveis do meu ser,
A dor de ser quem eu fui.
Eu me perdoei.
Porque só assim eu posso ir.
Porque eu podia errar também.
Porque eu não pertencia a ninguém.
Eu decretei meu fim.
Porque eu estava fraca.
Porque levaram meus sonhos,
Porque me levaram de mim.
Eu continuei.
Porque tinha que ser assim,
Porque não tinha que acabar ali.
Porque não era aquilo que Deus tinha para mim.
Eu te amei.
Porque o amor é inocente.
Não sabia o que seria da gente,
Porque tudo foi de repente.
Eu me superei.
Porque só fica quem está preparado.
Tudo bem eu ser sua estrada.
Preciso perdoar as minhas mágoas.
Eu aprendi.
Porque a vida não é só sofrimento.
Porque o amor é um grande sentimento.
Porque a vida é agora, esse momento.
Eu sobrevivi.
Ao amor, ao ódio, ao ciúmes.
A imaturidade de todos os perfumes.
A dor de todos os costumes.
Eu estou mais forte,
Sem você e sem ninguém ao meu lado.
De vez em quando eu olho seu retrato,
Mas a minha alegria está em seguir de fato.

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Telas Da Minha Vida

Resultado de imagem para mulher pintando quadro

Minhas telas estão vazias.
A vida não pintou minhas projeções,
Os sonhos não marcharam rumo ao acaso,
O destino não mudou todas as razões.
As cores que eu escolhi não eram tão bonitas,
A base da minha pintura era toda cinza,
A vida não atendeu a minha tela tão perfeita,
Eu tive que escrever num caderno e com caneta.
As minhas ilusões na tela da minha cabeça,
Me faziam tão menina, tão secreta, tão serena.
Mas a vida tem seus ventos, e não são sempre favoráveis.
Eu não pintei as dores das pessoas de passagem.
Eu não havia pintado o ralado dos meus joelhos,
As lágrima do abandono dos meus sonhos no espelho,
Não pintei o sorriso que teria que vir depois,
Não pintei a verdade de saber que não há dois.
Minhas telas estão vazias, porque tinha que ser.
A vida tem várias cores, sabores e tanto a aprender.
Eu tive que aceitar o amargo e o cinza,
Porque veio de lá a luz da minha vida.
A minha tela está em branco, porque o amanhã não me pertence.
Hoje eu sonho com as cores de tanta gente.
Eu pinto de azul o mundo, mas sei que chove.
Aceito a realidade das nuances que me envolve.
Minhas telas não são da cor que eu pintei, ainda bem.
Não sei qual delas me ensinou, ou se foi a mistura de tantas cores que me mostrou quem sou.
Na tela em branco eu não projeto mais,
Na realidade que eu planto, eu planejo a minha paz.
No agora que me fortalece eu agradeço essa vida,
Porque é um presente, Deus escolheu que essa seria a minha.
Se eu puder pintar, será sorrisos e alegrias.
Pelas telas da ambição eu não tenha mais simpatia.
Eu reescrevo a minha história, eu guardo na memória.
Cores do passado, ensinaram a não olhar para os lados.
As telas infantis projetadas não me servem,
Quero a verdade das cores que me pertencem.
Eu penso em ser uma pessoa mais divina,
E essa pintura ninguém rabisca, ninguém rasura, e ninguém me ensina.

Presença

Não sabia a diferença entre a presença e o nunca estar. Eu não soube desde sempre, Eu nunca estava lá. Só algo que já passou, Ou semp...