Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2017

Presença

Não sabia a diferença entre a presença
e o nunca estar.
Eu não soube desde sempre,
Eu nunca estava lá.
Só algo que já passou,
Ou sempre o que está por vir.
Só alguém que não ficou,
É tudo que está em mim.
Sempre atrasada,
Adianta ou ansiosa.
Sempre errada,
Menina sem jeito, atrapalhada.
Nunca dentro de um momento,
Sempre eu mesma a reação,
Um poço de ressentimento,
Sem saber o que é perdão.
Sempre amém para os demais,
Será que assim ficou bom?
Cadê a minha paz,
Onde coloquei o meu coração?
Mas se alguém me quer,
Quem sou eu para rejeitar?
Sempre a escolhida,
Sempre a sem escolhas.
Foram embora e deixaram,
Eu não era presença,
Eu estava na bolha.
Estar aqui e no agora,
Sentindo o passado atrás,
Sabendo que sou uma forma de manifestação,
De algo muito maior.
Alivia a minha mente,
Desse apego ao nada,
Esteja sempre onde estiver,
Não viva num conto de fadas.
As mágoas e opiniões,
No fundo são só pessoas...
Faça o bem, viva leve,
O resto é passageiro.
Tudo tem seu tempo,
Tudo vale a pena,